Jun 28

A EBSGBarros na página da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa.

“O conhecimento científico ganha muito quando temos a capacidade para ouvir os não cientistas”

Faculdade

Incrível. Inesquecível. Extraordinário. Educacional. Inovador. Interessante. Instrutivo. Estes são alguns dos adjetivos usados pelos alunos da Escola Secundária de Gama Barros, no Cacém, para descrever a experiência que tiveram com “A Onda da Nazaré: um estímulo para a aprendizagem”.

No vídeo de cinco minutos os estudantes explicaram de forma simples e com recurso a curtas animações científicas os processos associados à existência da maior onda surfada em todo o mundo.

Para os jovens foi uma experiência única. Nunca tinham feito nada assim e foi especialmente cativante pois foram os próprios a explicar a formação da onda. Todos consideram o projeto “brutal” e a família e os amigos enchem-se de orgulho. “Conseguimos ser levados a sério apesar de sermos tão novos”, dizem.

Ao aprenderem uns com os outros, reforçaram o espírito de equipa. Conheceram a Nazaré e viram de perto a onda. Mais tarde quiseram assistir à prova de doutoramento de Mafalda Carapuço, quiseram apoiar. Para eles, a cientista é uma verdadeira inspiração.

Ainda hoje o vídeo “A Onda da Nazaré: um estímulo para a aprendizagem” é tema de conversa. O desafio deste projeto surgiu de forma espontânea. O doutoramento em Geologia de Mafalda Carapuço teve como tema as praias, a sua grande paixão e não se pode falar de praias sem falar de ondas. A primeira apresentação sobre o tema aconteceu num Dia Aberto na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. Mafalda Carapuço contou a história da onda da Nazaré de forma muito simples. A partir daí começaram a ter vários pedidos para falar sobre a onda da Nazaré em diferentes contextos. O professor Rui Taborda, um dos orientadores de Mafalda Carapuço, sugeriu que fizessem um filme. Mafalda Carapuço já tinha estado na Escola Secundária de Gama Barros, a convite do professor Adérito Cunha. Como os alunos mostraram imenso interesse pela onda da Nazaré, a escolha foi simples e assim nasceu o filme financiado pelos EEA Grants.

Sandra Lobo, uma das professoras daquela escola, por sinal formada em Ciências, refere que entre os jovens e a cientista criou-se uma relação de encantamento. “Nós aprendemos muito com a Mafalda… A Mafalda marcou-nos… Criaram-se laços e os alunos sentiram-se parte do processo. Houve partilha e este projeto foi um contributo fantástico para a auto estima destes jovens”, conta referindo ainda que o ponto alto foram as filmagens. “Foi um sonho tornado realidade. Uniu alunos, professores e investigadores”, conclui.

Quem também concorda com Sandra Lobo é a colega Lúcia Jorge, outra professora daquela escola e igualmente antiga estudante desta faculdade, referindo que os estudantes que participaram no filme treinaram em casa. No final alguns pais agradeceram.

Mafalda Carapuço sente-se rica com a experiência. “O conhecimento científico ganha muito quando temos a capacidade para ouvir os não cientistas”, diz. Segundo a investigadora os alunos foram uma parte ativa, comentaram o guião e além disso participaram na divulgação de resultados, em encontros científicos, como foi o caso de escola de verão ocorrida na Faculdade, na qual falaram do projeto em inglês e responderam a questões.

“Seja em ciência ou naquilo que quiserem, a dedicação deles superou as expetativas (…) foram eles que deram o mote para que tudo acontecesse.”

Mafalda Carapuço

Para aceder à página da faculdade , clique aqui

Para ver o vídeo, clique aqui

Para saber quais os alunos participantes, clique aqui

Jun 28

Caixa Sismológica – Prémio Ciência na Escola da Fundação Ilídio Pinho

O projeto Caixa Sismológica, coordenado pela educadora Diva Carvalho, foi selecionado para estar presente na Mostra Nacional que vai decorrer em Coimbra dias 29 e 30 de junho.

Serão ao todo 100 projetos em exposição, com vista à atribuição dos prémios finais.

O Agrupamento prepara-se para deixar marca no júri nacional, que visitará os stands no dia 30 fazendo-se acompanhar do senhor Primeiro-Ministro e do senhor Presidente da República.

Vamos aprender, brincando com a Ciência!

Veja as fotos aqui

Jun 28

Projeto “Em Contacto” do curso PTAS

CV

Com este projeto, após a conclusão do curso Profissional de Técnico Auxiliar de Saúde (PTAS), os formandos podem manter-se em contacto com a Direção do Curso, nomeadamente por telefone, email e pessoalmente, para ajuda na elaboração do Curriculum Vitae, das cartas de apresentação e para a preparação de entrevistas.

Jun 18

ECO-CÓDIGO 2017

Cartaz Eco-Codigo 2017

 

Para aceder à Memória Descritiva, clique aqui

Para conhecer o Eco-Código 2016-2017, clique aqui

Jun 18

3.ª edição do MOOC “Coma melhor, poupe mais” – Inscrições abertas

MOOCO Projeto Agrupamento Escola Saudável comunica que estão abertas as inscrições para a 3.ª edição do MOOC “Coma melhor, poupe mais”. Desenvolvido pela Universidade do Porto, em parceria com a Direção-Geral da Saúde/Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável e a unidade de Tecnologias Educativas da UPdigital, o curso tem como público-alvo a população em geral e, utilizando uma linguagem simples e acessível, aborda um conjunto de conceitos básicos e ideias práticas que demonstram que é possível comer de forma saudável e económica.

O MOOC tem início no dia 29 de junho 2017 e tem a duração de 4 semanas.

O registo e a inscrição são gratuitos.

Para participar, terá primeiro de fazer o registo e depois inscrever-se no curso. Para isso, clique aqui

Jun 18

Mais uma atividade! Mais uma corrida de carrinhos movidos a energia solar na Gama Barros

ECO

No dia 12 de junho os alunos do 6.º ano da turma 5.ª participaram na 2.ª corrida de carrinhos movidos a energia solar, na nossa Escola! Os carrinhos foram construídos na disciplina de Educação Tecnológica com a supervisão do Professor Mário Andrade. Estes, encontram-se em exposição no Refeitório da nossa escola, em conjunto com outros trabalhos realizados na mesma disciplina e sobre a coordenação da Professora Fernanda Silva que, com os seus alunos (5.º ano, turma 1.ª). realizaram instrumentos musicais com material reutilizado (os alunos realizaram um recital musical no dia 9 de junho e foram ensaiados pelas Professoras de Educação Musical, Maria Adélia Abrunhosa e Maria do Céu Mendes).

Quanto à corrida de carrinhos movidos a energia solar, foram oito os grupos que participaram com o seu respetivo carrinho. Foi uma corrida bastante animada e todos os alunos colaboraram na mesma, ora no arranjo dos carrinhos ora na partida ou mesmo na contabilização dos premiados. Conseguimos apurar três grupos de vencedores. Para além dos carrinhos também foram realizados aviões e um helicóptero movido a energia solar.

Os alunos também recolheram tampinhas que colocaram dentro de garrafões demonstrando o seu apreço pelo ambiente e contribuindo para o projeto de solidariedade.

Foi uma tarde diferente… repleto de atividades no âmbito do Ambiente e do Eco- Escolas. Estão todos de parabéns pelo trabalho desenvolvido em prol do Ambiente.

A todos agradecemos pela participação dos alunos e pela colaboração prestada pelos professores nas diversas atividades.

Pensemos no Ambiente, cuidando da Saúde da Terra e do Ser Humano!

A Coordenadora do Eco-Escola, Maria do Rosário Portugal

Para ver o vídeo do Recital, clique aqui

Veja as fotos aqui

Jun 08

Atividade de canoagem, no âmbito da disciplina de Educação Física

No passado dia 5 de maio organizou-se uma atividade de canoagem, no âmbito da disciplina de Educação Física, destinada às turmas 9.º 1.ª, 9.º 3.ª e 8.º 8.ª, dinamizada pelas professoras Ana Sofia Afonso e Cláudia Vaz. Esta atividade também contou com a participação dos professores António Silvano e Rita Matos, que acompanharam os alunos destas turmas na aventura de descer o rio Tejo. O percurso foi realizado entre a bonita vila de Constância e Tancos, passando brevemente pelo Castelo de Almourol. Os objetivos desta atividade foram: conhecer e experimentar uma atividade na natureza; conhecer e identificar as funções do equipamento (colete de salvação, canoa e pagaia); cooperar com os colegas no cumprimento de regras de segurança, preservação das condições ecológicas e arrumação do material; utilizar diferentes habilidades motoras, colaborando com os colegas e preservando o meio ambiente; promover o convívio entre alunos e professores neste final de ciclo.

O dia não estava favorável, devido às condições atmosféricas, contudo, os alunos estavam animados e expetantes quanto à modalidade pois, para a maior parte deles, foi uma experiência excecional e realizada pela primeira vez.

A descida iniciou-se debaixo de chuva, porém o tempo foi melhorando e quando terminamos, já em Tancos, conseguimos fazer o piquenique tranquilamente, tal como planeado. Nesta altura alguns alunos aproveitaram para descansarem, outros para conversarem e conviverem e outros, ainda engendraram um jogo, passando o tempo com mais uma atividade criativa.

No regresso à escola, todos se mostraram satisfeitos, exaustos, mas com vontade de repetir a aventura.

Veja as fotos aqui

Jun 07

Roteiro de 2 dias pela cidade do Porto!

Cidade com um magnífico centro histórico protegido pela UNESCO e a presença do rio e do mar, terra de gente bairrista, orgulhosamente “tripeira” e hospitaleira, o Porto tem um brilho único que a transforma num dos mais interessantes destinos turísticos de Portugal.

Conscientes da importância turística da segunda cidade de Portugal, as professoras, Ana Colaço e Elsa Barreto com a colaboração da professora Patrícia Proença e do professor reformado José Pedrosa​, acompanharam os alunos do Curso Profissional de Turismo a uma visita já tão desejada à cidade do Porto.

Também conhecida como Oporto, a cidade é marcada por séculos de história e também pelo desenvolvimento industrial. O centro histórico, localizado na Ribeira, foi construído nos montes em frente ao Rio Douro e que mais tarde serviu de inspiração ao cantor Rui Veloso na sua música intitulada ” Porto sentido”.

O World of Discoveries, um Museu Interativo e Parque Temático dedicado aos Descobrimentos portugueses, localizado no interior dos antigos armazéns da Real Companhia Velha, em Miragaia, no centro histórico do Porto foi uma surpresa relativamente à aquisição de conhecimentos relacionados com aquela temática.

Ponte D. Luís, Vila Nova de Gaia, Estação de São Bento, Café Majestic, Câmara Mun​i​cipal, Av. dos Aliados, Sé Catedral, e o mais recente aberto Hard Rock Café Porto.

Sabedores dos atrativos que podem ser diferentes segundo a tipologia turística, os professores, em colaboração com os alunos, dinamizaram circuitos com vista a existir uma perspetiva geral de atração turística, conseguindo desta forma desenvolver competências no âmbito da Comunicação, utilizando conceitos de economia na caracterização do setor turístico e de marketing na promoção de produtos turísticos e de informação aos turistas sobre o património histórico.

É essencial destacar que a descontração que uma visita proporciona torna todo o processo de aprendizagem relacionado com a mesma mais leve.

Depois, ficam as recordações. Os retratos que os jovens captam, quer em fotografia, quer mentalmente. São as recordações que predominam nas suas mentes na viagem de vinda e são essas mesmas recordações que vão ficar para sempre no seu interior.

Veja as fotos aqui

Jun 07

A história do Nadadorzinho

As crianças do JI Cacém n.º 1 foram presenteadas com a história do Nadadorzinho contada de uma forma diferente, por três simpáticas colaboradoras dos Centros Lúdicos das Lopas, Rio de Mouro e Massamá, com
recurso a um livro gigante composto por símbolos pictográficos para a comunicação/SPC.
Cada sala teve a oportunidade de vivenciar a história com momentos interativos, onde o silêncio também imperou pela necessidade da mesma.

No final, aprenderam uma canção que foi dançada em roda pelas crianças e pelos principais intervenientes da história: o peixinho preto mais rápido do fundo do mar e os seus amigos peixinhos vermelhos.
Um momento mágico!

Veja as fotos aqui

Jun 07

Sintra ConVida

No corrente ano letivo, o concelho de Sintra foi marcado por um conjunto de atividades no âmbito da educação e da saúde.

Assumindo-se como promotora de estilos de vida saudáveis junto da comunidade, não só pelo papel determinante no crescimento saudável das crianças como também como meio de  influenciar o bem-estar e os níveis de felicidade da população.

O Curso Profissional de Técnico Auxiliar de Saúde da EBSGB recebeu um convite do Departamento de Educação da Câmara Municipal de Sintra, para participar como dinamizador  e promotor de estilos de vida saudáveis, na iniciativa “Sintra ConVida”.

A Quinta da Ribafria foi o local escolhido para o evento que decorreu entre os dias 30 de maio e 4  de junho.

Os alunos envolveram-se e dinamizaram uma série workshops e atividades de animação alusivas ao tema do evento (alimentação saudável, estilos de vida saudáveis, qualidade de vida… ) dirigidas a alunos da educação pré-escolar, mas principalmente de 1.º ciclo.

Foi um dia repleto de experiências enriquecedoras, de aproximação à vida ativa e que permitiu  a estes jovens formandos  aplicarem os seus conhecimentos de forma prática e colaborativa, prestável e insubstituível. Os sorrisos, a envolvência, a aceitação por este público mais jovem nas atividades de animação desenvolvidas, por si só, garantiu muita satisfaçao e orgulho nestes adolescentes, prestes a entrarem no mercado de trabalho como futuros auxiliares de saúde.

Veja as fotos aqui

Pagina 1 of 7512345...102030...Fim»