«

»

Mar 13

Visita de Estudo ao Palácio da Pena

ppena9

No dia 27 de fevereiro a minha turma e outras turmas da nossa escola realizaram uma visita de estudo ao Palácio da Pena, em Sintra.

Saímos da escola pelas 9 horas, com alguma chuva e, pouco tempo depois, chegámos ao local da nossa visita. Bom, ainda não era bem, bem, o local certo…

Tivemos de fazer uma longa e cansativa caminhada, já sem a companhia da chuva, para chegarmos ao Palácio! Estávamos muito cansados, mas muito curiosos para descobrir o que o Palácio tinha para nos mostrar.

Entrámos por um portão e depois sentámo-nos nuns banquinhos de madeira para descansar e comer. Depois, com mais energia, começámos a nossa visita. Tivemos a ajuda de uma guia muito simpática que nos explicou o que estávamos a ver.

Agora vou contar o que vi e aprendi nesta visita pela nossa história…

O palácio da Pena é muito antigo e grande! Foi mandado construir pelo rei D. Fernando II, marido da rainha D. Maria II. Este palácio deveria servir para as férias de verão dos reis. O rei gostava muito desta paisagem calma e silenciosa no meio da natureza!

Depois entrámos por outro portão com o brasão do rei D. Fernando II e umas serpentes que serviam para assustar os inimigos. A seguir, vimos a figura do Tritão. Esta figura é monstruosa, metade homem e metade peixe. Ele está sentado numa concha e segura nas costas uma janela. As suas pernas têm escamas e, do seu cabelo, saem dois troncos de árvores. Ele é assustador mas também o achei muito engraçado! O Tritão representa os quatro elementos: a terra, com os troncos de árvore, o ar, com o vento, a água com a concha e o fogo com as suas barbas.

A seguir fomos ver os azulejos com desenhos geométricos. Os azulejos são muito antigos, mas alguns já foram restaurados.

Fomos ao terraço da rainha que tem uma vista maravilhosa sobre o parque da Pena. Daqui vimos a Estátua do Guerreiro. Estava muito frio mas eu gostei muito de lá estar!

Dentro do Palácio também visitámos muitas salas e quartos. Nalguns entrámos mas, na maior parte, só pudemos ver o que estava lá dentro porque têm objetos muito antigos que se estragam facilmente.

Visitámos o quarto do rei e da rainha e a casa de banho do rei, que tinha uma banheira muito engraçada com um chuveiro.

Vimos a sala de jantar com uma enorme mesa que tinha no centro uma caravela que eu adorei. Também fiquei impressionado com a quantidade de copos que havia lá! A decoração desta sala era muito luxuosa e bonita.

No Salão Nobre gostei das estátuas que seguravam muitas velas e também dos tetos, que são muito altos!

Visitámos um terraço e vimos a casa dos guardas. Estivemos num espaço exterior que tinha uma planta no centro. Essa planta estava dentro de um grande vaso em forma de concha que tinha por baixo quatro tartarugas. Depois, ficámos a saber que as plantas dessa espécie já existiam no tempo dos dinossauros!

Fomos ver a capela e do que eu gostei mais foi dos vitrais porque são muito coloridos.

Também gostei do atelier do rei D. Carlos que era muito ligado às artes e de alguns objetos, como uma máquina fotográfica muito antiga, um piano e das pinturas.

Visitámos a Sala Árabe que tinha muitas cadeiras e muitos objetos bonitos a decorar os móveis. Depois descemos por umas escadas em caracol que parecia que nunca mais acabavam!

Por fim, estivemos na cozinha do Palácio que tinha umas panelas enormes, muitos tachos e muitos objetos daquela época. Reparei que na parede havia uma grande cabeça de veado. Também vimos outra que servia de apoio para a comida não chegar fria à sala de jantar.

E pronto, foi assim que terminou a nossa manhã no bonito Palácio da Pena.

Aprendi muitas coisas que não conhecia e fiquei a saber como viviam os nossos reis. Do que eu gostei mais foi do Tritão, da caravela e do terraço da rainha. Também gostei das cores do Palácio e de estar no meio da natureza. Nós aqui até respiramos melhor!

               Nunca mais me vou esquecer desta visita de estudo!

 Rafael Tomé

3.º/4.ºB