Abr 25

Visita de estudo ao Oceanário de Lisboa

No passado mês de março, as turmas do 1.º ano da EB Ribeiro de Carvalho realizaram uma visita de estudo ao Oceanário de Lisboa.

Na primeira parte da visita, os alunos realizaram um ateliê denominado “Dr. Oceano” em que foram levados a descobrir os efeitos das alterações climáticas e perceberem qual o papel de cada um de nós, para mantermos o planeta saudável.

De seguida, visitaram os diferentes aquários onde tiveram a oportunidade de observar as várias espécies de animais dos diferentes oceanos.

Foi, sem dúvida, uma visita fascinante!

Veja as fotos aqui

Oceanario-de-Lisboa-1

Picture 1 of 10

Abr 25

Atividades do Projeto Eco-Escolas

No âmbito do Projeto Eco–Escolas, a EB Ribeiro de Carvalho recebeu a visita dos SMAS e da Tratolixo, que realizaram com os nossos alunos um conjunto de ações de sensibilização sobre a problemática dos resíduos.

Os alunos foram alertados para a correta disposição dos resíduos e, de forma lúdica, aprenderam a separá-los.

O SMAS também realizou com uma turma o ateliê “A qualidade da nossa água” efetuando, com os alunos, análises à água da nossa escola e alertou para o problema da escassez deste bem precioso.

Estas atividades são sempre uma mais-valia, pois incentivam a consciência ambiental dos nossos alunos, fomentando as boas práticas, enquanto cidadãos.

Veja as fotos aqui

Projeto-Eco-Escolas-1

Picture 1 of 12

Abr 25

Dia Mundial da Consciencialização do Autismo

A Assembleia Geral das Nações Unidas designou, desde 2008, o dia 2 de abril como Dia Mundial da Consciencialização do Autismo.

A EB Ribeiro de Carvalho decidiu aderir à iniciativa “Acendam a Luz Azul – Light it up blue”, promovida pela APPDA-Setúbal e pela Federação Portuguesa de Autismo, convidando toda a comunidade escolar a vestir-se de azul.

Deste modo, e para abordar a temática acima mencionada, na Biblioteca Escolar a professora Gracinda falou um pouco sobre o espectro do autismo, contou uma pequena história alusiva ao tema e, no final, todos cantaram uma canção.

Depois, deslocámo-nos para o campo de jogos e, todos juntos, construímos um enorme laço azul.

Veja as fotos aqui

Dia-Mundial-Autismo-1

Picture 1 of 10

Abr 22

Contratação de Escola 2018-2019

Aviso de Abertura de Concurso

Horário n.º 37 – Grupo de Recrutamento 330 – Inglês

Para consulta do documento, clique aqui

Abr 15

A EB Ribeiro de Carvalho visitou a Casa do Tinoni

No passado mês de fevereiro, as turmas do 2.º ano, da EB Ribeiro de Carvalho visitaram a Casa do Tinoni.

A Casa do Tinoni é um espaço da Proteção Civil da Câmara Municipal de Lisboa, que tem como principal objetivo o de contribuir para a prevenção de acidentes infantis.

No decorrer da visita foram abordados os seguintes temas:

– Segurança na rua e em espaços públicos;

– Segurança em casa;

– Sismos e comportamentos de autoproteção;

– Prevenção de incêndios e comportamentos de autoproteção. 

Foi, sem dúvida, uma visita muito importante em que os alunos aprenderam a identificarem os riscos que correm no seu dia-a-dia e as regras adequadas a cada situação.

Veja as fotos aqui

Casa-do-Tinoni-1

Picture 1 of 9

Abr 15

Festival de Cinema “Monstrinha”

No dia 25 de março, as turmas do 1.º B e do 2.º A, da EB n.º 1 do Cacém, participaram no Festival de Cinema “Monstrinha”, dinamizado pelo Plano Nacional de Cinema da Escola Básica e Secundária de Gama Barros.

A “Monstrinha” andou à solta no Auditório António Silva. Foi uma tarde de enriquecimento cultural e os alunos aderiram com entusiasmo às curtas metragens.

Veja as fotos aqui

Festival-de-Cinema-Monstrinha-1

Picture 1 of 2

Abr 15

Brigadas Verdes

As Brigadas Verdes são um projeto do Eco-escolas, da EB n.º 1 do Cacém.

 Os alunos, em grupo, participam na limpeza do recreio, com pinças para apanharem algum do lixo que, por falta de atenção, outros deixam por ali, ou que voa da rua para dentro da escola.

Vamos todos colaborar, para que os espaços públicos estejam limpos e cuidados.

Lixo no chão, não!

Veja as fotos aqui

Brigadas-Verdes-1

Picture 1 of 3

Abr 14

O ciclo do azeite

No Jardim de Infância Cacém nº 1 gostamos muito de aprender e de receber os pais e encarregados de educação para dinamizarem atividades com as crianças.

Inserido no projeto “Os Pais Vão ao Jardim de Infância”, recebemos, em março, a visita da Filipa, mãe da Inês, que veio carinhosamente dinamizar uma atividade sobre o ciclo do azeite nas quatro salas da educação pré-escolar.

Fomos encantados por uma história que nos fez percorrer o ciclo do azeite e que, com pozinhos de Perlim…Pim..Pim,  captou a nossa atenção até ao fim!

Percebemos o método de apanha da azeitona, que se pratica com uma vara, o varejamento do fruto e a utilização de lona, para o recolher. No lagar confeciona-se o azeite. Lá, procede-se à limpeza da azeitona (que consiste na separação das folhas e do fruto), à lavagem e à extração do azeite.

Observámos um ramo de oliveira que é uma árvore muito importante, porque nos dá um fruto saboroso.  Seguiu-se um momento musical e, por fim, fomos presenteados com a degustação de pão com azeite e azeitonas verdes e pretas. Aprender assim é fantástico!

Obrigadaaa…Filipa e até uma próxima!

Veja as fotos aqui

O-ciclo-do-azeite-1

Picture 1 of 9

Abr 14

O Agrupamento de Escolas D. Maria II está a realizar um novo ciclo global de autoavaliação

Poderá aceder ao Planeamento Estratégico aqui

Abr 14

“Mochila Esperança”, Ao Povo Moçambicano

Na passada sexta feira, dia 5 de abril, foram entregues 4 Kits de bens de primeira necessidade, no edifício VIP, na sala do rés-do-chão na Fundação EDP (Museu da Eletricidade). Estes Kits constituem o donativo dos alunos dos 10.º e 11.º anos, do Curso de Artes Visuais do Agrupamento de Escolas D. Maria II, bem como da respetiva docente da disciplina de Desenho A.

Os alunos aderiram, sem hesitar, à iniciativa, organizando-se e distribuindo, entre si, a responsabilidade da recolha dos produtos solicitados pela organização da campanha.

Sensibilizou-os a tragédia que se abateu sobre as comunidades afetadas, sobretudo algumas famílias do Dondo (a cerca de 34 km da cidade da Beira), o que constituiu um desafio às capacidades físicas, psicológicas e morais, daquela gente que, dia a dia, e sem quaisquer recursos, luta pela vida, num contexto de verdadeira catástrofe!

A campanha foi lançada pela SIC Esperança, mas muito rapidamente encontrou associados como foi o caso da EDP, que custeou seis mil mochilas, para transporte dos bens recolhidos. Ainda outras empresas se associaram: Grupo Águas de Portugal, Grupo Lusíadas Saúde e Wells, todos focados em contribuírem para menorizarem as carências do povo de Moçambique e devolver-lhes alguma dignidade.

Bem-haja, aos meus alunos, por este gesto de solidariedade e de amor ao próximo!

Ajudar, é um dever cívico e moral de todos!…

Professora Celeste Gonçalinho

Ao povo Moçambicano

Hoje, sem este céu ilimitado

Sem este mar poderoso tão nosso

E sem um querer inabalável,

Como iriam tocar-se os nossos

E os vossos dedos indicadores,

Nessa imensidão de África,

Povo de Moçambique?!…

Mas o legado histórico que nos une,

A herança que temos desde o berço,

Dos Valores da Cooperação e do Respeito mútuo,

Hoje, amanhã e sempre,

O calor dos nossos afetos prevalecerá sobre a indiferença

E, seremos muitos, mesmo muitos,

A dar as mãos em nome duma efetiva amizade e estima!

Vamos lá, neste abraço, ao encontro do povo Moçambicano!…